Deu ruim: Socorro, perdi meu passaporte!

A maioria das pessoas que faz intercâmbio só lembra de contar pros amigos as histórias legais e descoladas. Mas existe a chance de você fazer bobagem ser azarado e acontecer de, em algum momento da sua viagem, as coisas não saírem como planejado. É o famoso “deu ruim” – no meu caso, por exemplo, tive o passaporte roubado durante um domingo tranquilão no metrô de Londres. Pois é, acontece! Mas e aí, o que fazer?

1) Tome conta do seu passaporte

Sua avó, seu orientador da faculdade, seus amigos, TODO MUNDO vai te dizer: não saia de casa com o passaporte. E como aquele típico conselho de mãe que pega pra valer, eu te digo: ela tem mesmo razão. Tente andar com a sua carteira de habilitação ou alguma cópia do passaporte – dificilmente você precisará ir a algum lugar que exija o documento original. Se precisar mesmo apresentá-lo, leve seu livreto azulzinho num lugar seguro. Money belt é brega? É! Mas lembre-se que não dá pra ser brega no exterior sem passaporte #dica

told you so

2) Esperneie, mas não se desespere

Ok, você guardou seu passaporte com aquele zíper ultra-secreto e mesmo assim conseguiram levá-lo embora. Você vasculhou TODAS as bolsas, refez os três caminhos que andou aquele dia e nada. Bate um desespero só de pensar em toda a dor de cabeça que você vai passar, né? Pois é, I feel your pain.

ross_good things bad people

Depois que você tiver chorado, reclamado, xingado, e obviamente cancelado seus programas (porque sim, vão levar seu passaporte dois dias antes da sua viagem dos sonhos ou da entrevista de emprego que exige o documento), é hora de resolver as burocracias. Respira que vai dar tudo certo.

3) O Reino Unido também tem B.O.

A primeira coisa que você precisará fazer é um police report. Isso vai gerar um crime reference number, que você deve guardar com você melhor do que guardou seu passaporte. Você precisará dessas informações nos outros procedimentos. É possível fazer o seu report online, ou então você pode procurar a estação de polícia mais próxima do seu halls of residence. No meu caso, eu realizei no posto que ficava dentro da própria estação do metrô.

help a brotha

4) Entenda a diferença entre Consulado e Embaixada

Tudo bem: a gente sabe que, para você, o roubo do seu passaporte é quase uma calamidade pública. Mas não é para a Embaixada que você deve recorrer – eles cuidam da representação diplomática entre os dois países e tratam de questões mais abrangentes, principalmente no âmbito político.

Caso você perca seu passaporte no Reino Unido, precisará ir até o Consulado Geral do Brasil em Londres, que é a instituição responsável pelos assuntos administrativos. Um Consulado não é responsável somente por vistos; na verdade, a organização é encarregada de proteger os interesses dos indivíduos e empresas daquele Estado e, por isso, presta assistências sobre documentos de viagem, por exemplo. Acesse o site do Consulado e ligue lá para confirmar horários de funcionamento e qual tipo de atendimento você irá precisar.

there there

Muito provavelmente, você deverá pagar uma taxa e apresentar alguns documentos para dar entrada no seu novo passaporte. Mas não se preocupe – o pessoal do Consulado irá te orientar sobre os procedimentos e te ajudar no que for preciso. Juro que até hoje agradeço por eles terem me acalmado na hora do nervoso, hehehe 🙂

5) Resolvendo o visto

O grande problema para brasileiros que têm seus passaportes roubados no UK é o visto. Nesse caso, meu conselho é que você procure o Immigration Officer da sua universidade, que irá te orientar sobre os procedimentos e assinar alguns documentos junto com você.

Se você tiver um visto em forma de ICFN (Identity Card for Foreign Nationals) ou BRP (Biometric Residence Permit), você precisará pedir um cartão novo. Já se ele estiver (ou estivesse, hahaha) colado no seu passaporte, o procedimento é fazer a transferência para um novo passaporte – se prepare porque vai demorar um pouco. Você não poderá sair do UK porque não terá o Tier 4 para apresentar no retorno, então nem adianta tentar (entrar com visto de turista, de 3 meses, não vale).

hermione

6) Look back and learn

Perder o passaporte me deixou muito nervosa porque você fica com a sensação de que perdeu todos os seus direitos como cidadã no exterior. Eu realmente espero que vocês não precisem passar por isso – até porque resolver tudo isso on your own, numa Londres chuvosa e fria, rende quase um roteiro de filme dramático, hahaha – mas, se passarem, espero que sejam tratados da mesma maneira atenciosa como eu fui. Tanto a equipe brasileira quanto a britânica foram muito solícitas e eu retornei ao Brasil pouco tempo depois do incidente já com tudo resolvido. Ufa!

oh well

assinatura amanda

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s